Nos dias 20 e 21 de outubro, as professoras Karla Daisy, Sâmia Silva e o professor Thiago Viana construíram uma grande mobilização para sensibilizar a comunidade. Inicialmente, as duas professoras organizaram no auditório da FJN uma palestra sobre métodos diagnósticos da sífilis. Posteriormente, com ampla participação de discentes do curso de Farmácia, foi realizada mobilização que levou informação e distribuição de preservativos para a comunidade em vários pontos de Juazeiro do Norte.

O aeroporto e a rodoviária foram escolhidos estrategicamente para serem locais de sensibilização. A Farmácia Conviva também foi parceira do evento cedendo o espaço onde os alunos atuam para compartilhar informações com os clientes. Os alunos do Estágio Supervisionado em Drogaria e outros participaram da ação construindo uma grande mobilização.

A campanha foi apoiada pela 21ª Coordenadoria Regional da Saúde. A professora Karla Daisy, que também é Farmacêutica da unidade da Secretaria da Saúde do Estado, mencionou que viu uma oportunidade para promover a campanha já que está tendo disponibilidade de preservativos, ofertados pelo Ministério da Saúde. A farmacêutica explicou que os casos de sífilis tem aumentado e ressaltou que o Farmacêutico tem um papel importante na prevenção. Além disso, a atitude dos alunos de Farmácia da FJN contribuiu bastante para o dia de mobilização. “Campanhas como essa são oportunidades para darmos exemplos para nossos alunos de como o profissional deve agir”, complementou a professora Karla Daisy.

O professor Alberto Malta Junior, coordenador do curso de Farmácia, faz uma pontuação adicional à campanha: “a sífilis é uma doença transmissível e há um movimento global expressos especialmente dentro dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, para que possamos trabalhar a prevenção”.

Além de toda a mobilização os envolvidos ainda conseguiram coletar alimentos para serem doados solidariamente a instituição de apoio.